Qual é o salário de um graduado em Direito?

Saiba como vai funcionar o vestibular do Mackenzie

A graduação em Direito é uma das mais antigas e prestigiadas do país. O mercado de trabalho, apesar de extremamente concorrido, tende a pagar bem. A média salarial inicial é de R$ 3.728, e os estados que apresentam os maiores salários são São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

Existem duas áreas de atuação bem-distintas em Direito: a Jurídica e a Advocacia.

A área Jurídica envolve basicamente o trabalho dos bacharéis em Direito, que inclui o trabalho de delegados de polícia, assistentes judiciários, defensores públicos, promotores, procuradores e juízes.

Ainda não escolheu que profissão seguir? Leia mais sobre diferentes carreiras.

Já na área da Advocacia o profissional deve necessariamente passar pelo exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Sua atuação consiste em defender o interesse dos clientes com base nas leis em vigor.

O profissional do Direito pode escolher atuar nos serviços público ou privado. O primeiro oferece os maiores salários, mas sua contratação depende da aprovação em concursos. Confira algumas das áreas com as melhores remunerações.

Serviço público

Tap Tap Tap Case Ended GIF - ParksAndRec JayJackson PerdHapley GIFs
(Fonte: Tenor)

1. Procurador da República — média salarial R$ 25 mil

O procurador é responsável por promover ações, instaurar inquéritos e ações públicas. É um defensor dos direitos humanos, sociais e coletivos. Também controla a atividade policial.

2. Juiz Federal — média salarial R$ 23 mil

O juiz federal julga causas envolvendo assuntos de interesse para o País.

3. Advogado da União — média salarial R$ 16 mil

O advogado da união assessora juridicamente os órgãos da administração pública federal.

4. Defensor Público Federal — média salarial R$ 16 mil

É o defensor dos direitos humanos e responsável pela assessoria jurídica a pessoas que não podem pagar pelo serviço.

5. Delegado da Polícia Federal — média salarial R$ 15,3 mil

O delegado da PF é responsável pelas atuações da polícia federal, abre investigações policiais, planeja e comanda operações, bem como executa medidas de segurança.

Iniciativa privada

Court Judge GIF - Court Judge List GIFs
(Fonte: Tenor)

Cada vez mais, empresas de médio e grande porte têm contratado advogados e advogadas. O profissional dessa área pode ter uma atuação mais consultiva e até preventiva, antecipando problemas que as organizações podem vir a ter.

Arquitetura e urbanismo: como se destacar e ter sucesso na área

O advogado na iniciativa privada passa a ser visto como um parceiro de negócios, identificando problemas e propondo soluções para o funcionamento dos bons procedimentos empresariais. Esse profissional deve atuar na defesa direta das organizações e seu salário varia conforme a experiência na área de atuação. Confira a seguir a média dos dados informados por empresas de pequeno a grande porte.

Direito Tributário (consultivo/contencioso)

Advogado Sênior: entre R$ 8,5 mil e R$ 21 mil.

Advogado Pleno: entre R$ 6,2 mil e R$ 14,5 mil.

Advogado Júnior: entre R$ 3,8 mil e R$ 8 mil.

Direito Empresarial

Advogado Sênior: entre R$ 8,1 mil e R$ 22 mil.

Advogado Pleno: entre R$ 5,6 mil e R$ 12 mil.

Advogado Júnior: entre R$ 3,8 mil e R$ 7,2 mil.

Direito Trabalhista

Advogado Sênior: entre R$ 5,3 mil e R$ 13,5 mil.

Advogado Pleno: entre R$ 4 mil e R$ 9,5 mil.

Advogado Júnior: entre R$ 3 mil e R$ 5 mil.

Direito Contencioso Cível

Advogado Sênior: entre R$ 8,6 mil e R$ 17 mil.

Advogado Pleno: entre R$ 6 mil e R$ 13,5 mil.

Advogado Júnior: entre R$ 3,3 mil e R$ 7,5 mil.

Fonte: Mundo Vestibular e Guia da Carreira.

Gostou desse conteúdo? Conheça mais sobre o curso de Direito.

O que achou?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0