Como dividimos o corpo humano?

Saiba o que estudar para o vestibular do Mackenzie!

Se você está se preparando para o vestibular, é importante dar atenção ao estudo do corpo humano. Esse é um tema que, com certeza, vai aparecer na prova. Mas como organizar o conteúdo? É possível fazer isso pelas partes principais do corpo (cabeça, tronco e membros) ou de acordo com um “zoom”, que pode ir do estudo das organelas celulares às principais partes anatômicas, como ossos, músculos e órgãos.

Uma forma mais interessante pode ser analisar os diferentes sistemas que regulam o funcionamento do corpo, afinal são eles que atendem às principais funções do metabolismo, como respirar, alimentar-se e organizar os movimentos.

Então, alinhe a coluna, refresque a cabeça e fique de olho: está na hora de entrar em uma viagem rumo ao próprio organismo.

1. Sistema cardiovascular

Artérias, arteríolas, veias e capilares sanguíneos do corpo humano somam aproximadamente 100 mil quilômetros. (Fonte: Explode/Shutterstock/Reprodução)
Artérias, arteríolas, veias e capilares sanguíneos do corpo humano somam aproximadamente 100 mil quilômetros. (Fonte: Explode/Shutterstock/Reprodução)

Se você já sentiu seu coração bater mais forte diante de uma ameaça, isso foi obra do sistema cardiovascular, responsável por garantir a circulação de sangue pelo corpo e nutrir todo o organismo com oxigênio e nutrientes, além de “limpar” impurezas e levar embora o gás carbônico.

2. Sistema respiratório

O sangue transporta oxigênio e gás carbônico, mas quem troca esses gases e faz a mágica acontecer no pulmão é o sistema respiratório. Ele é tão importante que, se entrar em colapso, o organismo não resiste a mais que alguns minutos. 

3. Sistema digestório

Não é só você que gosta de comer: suas células também precisam de nutrição para desempenhar bem suas funções. E o sistema digestório é o grande responsável por transformar o alimento em vitaminas e nutrientes, como lipídios, proteínas e carboidratos.

4. Sistema excretor

Falar de fezes e urina pode ser algo pouco agradável, mas é graças a eles que os restos da digestão são eliminados. O sistema excretor é responsável por eliminar as impurezas e fazer uma faxina no sistema digestório, garantindo um metabolismo saudável.

5. Sistema sensorial

O sistema sensorial permite que o ser humano experimente a arte, uma das principais manifestações humanas. (Fonte: WayHomeStudio/Shutterstock/Reprodução)
O sistema sensorial permite que o ser humano experimente a arte, uma das principais manifestações humanas. (Fonte: WayHomeStudio/Shutterstock/Reprodução)

Falar de fezes e urina é chato, convenhamos, e todos sabemos disso por conta do sistema sensorial, que permite que experimentemos o mundo externo pela visão, pela audição, pelo olfato, pelo paladar e pelo tato. E ver ou ouvir uma ameaça a longa distância pode salvar sua vida.

6. Sistema tegumentar

Falando em tato, você sabia que a pele é um órgão e que funciona como um sistema? É o sistema tegumentar, cujo nome vem do latim tegmen, que significa cobertura. E a pele é justamente a camada que permite controlar a temperatura e proteger todo o organismo.

7. Sistema nervoso

Uma vez que os órgãos do sentido captam sensações, essas informações vão direto para o sistema nervoso, responsável por processar esses estímulos e dar comandos ao corpo. Por isso, se você é capaz de sair correndo ao ver ou ouvir um animal feroz, agradeça a esse sistema.

8. Sistema muscular

Quando o perigo for embora, agradeça também ao sistema muscular. É ele que permite que você tenha força para correr diante do perigo, sustenta seu corpo ao longo do dia e faz todos os movimentos. Isso vale até para os músculos involuntários, como o coração. 

9. Sistema esquelético

Os 206 ossos humanos são fundamentais para a sustentação e a proteção dos órgãos. (Fonte: AgnTech/Shutterstock/Reprodução)
Os 206 ossos humanos são fundamentais para a sustentação e a proteção dos órgãos. (Fonte: AgnTech/Shutterstock/Reprodução)

Outro sistema fundamental é o esquelético, que “anda” lado a lado com o muscular, sendo também responsável por sustentar o corpo, proteger os órgãos internos e ajudar na mobilidade. Além disso, é um depósito de cálcio. 

11. Sistema endócrino

Quando seu corpo decide correr de um animal ou fugir de um perigo, não são apenas os músculos que são ativados. Todo o corpo colabora para isso: o coração trabalha mais rápido e a respiração se acelera para fornecer mais trocas gasosas. Isso ocorre graças ao sistema endócrino, que produz a adrenalina (que pode salvar sua vida) e outros hormônios.

12. Sistema reprodutor

Nem sempre o organismo fica agitado por um perigo; às vezes, isso ocorre por uma boa razão, como um primeiro encontro que dá aquele frio na barriga. Isso ocorre porque o sistema reprodutor humano é fundamental para a preservação da espécie, mas passa também por uma série de sentimentos. Isso complica um tanto as coisas, não é?

13. Sistema linfático

O último sistema da lista é um dos menos lembrados, mas também fundamental: o linfático, responsável por cuidar da imunidade e garantir que o sistema esteja protegido. Se você está com dor de garganta e sentir um nódulo no pescoço, é o sistema linfático que está fazendo seu trabalho para proteger sua saúde. 

Fonte: Superinteressante, Toda Matéria.

Este conteúdo foi útil para você?

55530cookie-checkComo dividimos o corpo humano?