Quando pensamos em psicólogos, muitas vezes vemos a imagem do profissional em um consultório, cercado de livros, com um paciente deitado em um divã. Essa ideia, muitas vezes, afasta as pessoas da psicologia — tanto como profissionais quanto como pacientes.

Mas os psicólogos não estão apenas nos consultórios. Eles podem atender em diversos outros ambientes e ajudar as pessoas a alcançarem melhores condições  de saúde mental, atingindo objetivos, realizando sonhos e tendo uma qualidade de vida melhor.

Continue a leitura para conhecer algumas áreas de atuação da psicologia além do consultório.

Área educacional

(Fonte: Giphy)

Psicólogos podem auxiliar alunos, professores e pais a solucionarem problemas de aprendizagem, convivência ou relacionamento. Quem trabalha nesse ramo pode ajudar a elaborar programas educacionais em creches, escolas, cursos e faculdades, além de oferecerem atendimento durante o horário de aulas. O profissional atua como um importante mediador entre os diversos sujeitos envolvidos na escolarização

Nessa mesma área também estão os psicólogos que fazem orientação profissional, ajudando estudantes a decidirem seus projetos de carreira futuros  e utilizando tanto técnicas de autoconhecimento quanto a busca por informações sobre cada profissão.

Área esportiva

(Fonte: Giphy)

Psicólogos podem, sim, trabalhar na área esportiva. Atletas passam por muitos altos e baixos e, sem acompanhamento, podem acabar prejudicando seus desempenhos por conta de problemas emocionais. O atendimento psicológico ajuda a melhorar a performance, além de promover um bom espírito de equipe em esportes coletivos.

Área organizacional

(Fonte: Giphy)

O psicólogo organizacional ou psicólogo do trabalho tem muitas funções na empresa. Seu trabalho começa na seleção dos candidatos, auxiliando o setor de recursos humanos a encontrar funcionários que estejam de acordo com os valores da companhia e acrescentem qualidade à equipe.

Mas esses profissionais podem fazer muito mais: eles buscam maneiras de lidar com as diversas situações pelas quais os colaboradores passam, promovendo qualidade de vida, motivando trabalhadores e garantindo a responsabilidade social da empresa. Solucionar conflitos, criar projetos e promover um ambiente de trabalho mais saudável são seus objetivos principais.

Área hospitalar

Também conhecida como psicologia da saúde, essa área preza pela recuperação da saúde mental de pessoas hospitalizadas. Os psicólogos dão a motivação de que os pacientes precisam, além de levar apoio para os familiares. Em casos de doenças sem cura, o acompanhamento psicológico leva conforto e qualidade de vida aos enfermos. Esses profissionais também estão atentos às condições de saúde de toda a equipe hospitalar, oferecendo apoio e suporte a enfermeiros, médicos e outros agentes de saúde.

Marketing

(Fonte: Giphy)

Psicólogos podem trabalhar na área de marketing, estudando o comportamento dos consumidores. A partir de pesquisas e análises, eles descobrem o que os consumidores desejam, como se comportam e quais são suas necessidades. Assim, podem repassar essas informações para o setor responsável ou para agências de publicidade.

Área social

(Fonte: Giphy)

Hoje, os psicólogos estão cada vez mais presentes na sociedade, mostrando a importância de cuidar da saúde mental. Existem profissionais que trabalham em asilos ou centros de atendimento a crianças; alguns trabalham em penitenciárias, auxiliando na convivência entre os detentos e no reestabelecimento deles na sociedade.

A psicóloga Sandra Férrer fala sobre psicologia preventiva, trabalhando-a de maneira a prevenir problemas, e não apenas diagnosticá-los ou tratá-los. Ela, assim como muitos profissionais, promove rodas de conversas para estimular a comunicação, o autoconhecimento e a compreensão do outro. Psicólogos sociais atuam em projetos, ONGs e na área da pesquisa.

Área da neuropsicologia

(Fonte: Giphy)

Quem atua nessa área faz acompanhamento, diagnóstico e tratamento de problemas neuropsicológicos. Além disso, podem fazer pesquisas sobre emoções, personalidade, comportamento, relacionamento, cognição e outros assuntos relacionados ao funcionamento do cérebro e à psicologia.

Como os psicólogos não precisam se ater a apenas uma área, o consultório não precisa ser seu único local de atuação. Existem cada vez mais profissionais que trabalham em diversos ambientes, mostrando a todos como uma boa saúde mental pode mudar vidas.