Os 3 principais erros dos empreendedores iniciantes

Empreender exige qualificação. Comece uma pós no Mackenzie!

Dados da Universidade Técnica de Munique validados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) mostram que 56% dos brasileiros têm interesse em empreender. A maior parte desse contingente (75%) têm entre 18 e 35 anos de idade.

O estudo realizado em 2019 evidencia o contexto atual e o objetivo da nova geração. Antes, o alvo profissional de muitos, inclusive de recém-graduados, resumia-se a passar em concurso público, mas os novos tempos têm despertado outras ambições profissionais — e empreender é uma delas.

Com acesso rápido a qualquer informação, questões do empreendedorismo ora vistas como burocráticas deixaram de ser um empecilho, e abrir uma empresa passou a ser uma oportunidade mais acessível para qualquer pessoa. Ainda assim, os desafios dessa prática não deixaram de existir, por isso os iniciantes devem tomar uma série de cuidados para que o desejo de empreender se efetive da melhor maneira possível.

Empreender requer muito estudo
Empreender requer muito estudo. (Fonte: Pixabay)

Erros de empreendedorismo que você deve evitar

A criação de qualquer negócio envolve, ao mesmo tempo, chances de sucesso e risco iminente de fracasso. Não basta ter interesse e coragem; é preciso conhecer a realidade e se preparar para ela. Observar e aprender os principais erros já cometidos por outros empreendedores são maneiras de iniciar essa jornada da melhor forma possível, então confira algumas falhas que devem ser evitadas.

1. Não ter plano de negócio

O plano de negócio, como o nome já indica, tem como objetivo explicitar toda a ideia do empreendimento e dar informações pertinentes para o empreendedor sobre o âmbito mercadológico em que a empresa irá atuar. Dados como análise de mercado, planejamento financeiro, plano de marketing e plano operacional estão presentes nesse documento e ajudam a visualizar de forma macro e micro o cenário atual tanto do mercado quanto da empresa.

Indo do planejamento financeiro ao planejamento estratégico de uma empresa, a partir do plano você passa a ter ciência de concorrentes e fornecedores, do valor necessário para investimento, da previsão de receita e de despesas e de como se dará a divulgação, a promoção, a embalagem e a distribuição de seu produto. Dados sobre questões operacionais, como canais de venda, estoque, entrega e distribuição também podem ser contemplados.

Tenha um plano de negócio estratégico.
Tenha um plano de negócio estratégico. (Fonte: Pexels) 

2. Não definir metas

Metas servem para direcionar o negócio e funcionam como bússola para que os profissionais que atuam na organização saibam para onde ir e quais objetivos devem atingir. Estabelecer metas já no início do negócio ajuda a pensar as ações necessárias para conquistar aquele objetivo definido, mesmo quando surgirem adversidades que necessitam de tomadas difíceis de decisão.

Contrate ou terceirize pessoas para realizar serviços que não domina.
Contrate ou terceirize pessoas para realizar serviços que você não domina. (Fonte: Pexels) 

3. Estudar o mercado

O estudo de mercado deve ser inserido no plano de negócio pois traz informações qualitativas e quantitativas sobre público-alvo, cenário econômico, perfil de potenciais consumidores, concorrentes e fornecedores. 

Também ajuda a responder a questionamentos que devem guiar diversas ações da empresa, como: qual é a necessidade dos clientes? Como posso solucionar esse problema? Consigo inovar na entrega dessa solução para trazer algo diferente do que meus concorrentes oferecem?

O estudo traz maior nitidez do mercado e do perfil dos clientes, de modo que seus produtos ou serviços estejam mais bem posicionados para as necessidades reais encontradas. É por meio dele que você, como empresa, pode encontrar lacunas e se sobressair dentre as demais organizações do mesmo nicho.

Fonte: AMWAY Global Entrepreneurship Report.

Este conteúdo foi útil para você?

42970cookie-checkOs 3 principais erros dos empreendedores iniciantes

Cadastre-se na newsletter

E receba conteúdos exclusivos