7 profissões que estarão em alta durante a retomada verde

Quer potencializar sua carreira? Comece uma pós-graduação no Mackenzie

O desenvolvimento econômico e sustentável volta aos holofotes com o movimento “retomada verde”. O conceito define que daqui para a frente os novos investimentos devem ir para setores diretamente ligados às políticas de combate ao aquecimento global e para empreendimentos sustentáveis de baixo impacto ambiental. 

Segundo um estudo realizado pelo World Resources Institute (WRI), a retomada verde implementará a economia verde, com mais empregos e maior crescimento econômico no País. Além disso, algumas carreiras serão diretamente impactadas pela nova onda sustentável e estarão bastante em alta nos próximos anos.

Entenda um pouco mais sobre o tema e conheça as profissões com mercados aquecidos pela retomada verde. 

Retomada verde: o crescimento econômico e a geração de empregos 

Retomada verde gerará empregos e crescimento econômico.
Retomada verde gerará empregos e crescimento econômico.

Se você está curioso sobre a relação entre geração de empregos e crescimento da economia com a retomada verde, precisa saber que a mola propulsora são as mudanças climáticas. 

Salvar a economia e o meio ambiente é primordial sob qualquer ponto de vista. Por exemplo, se antes já havia a preocupação em combater a desigualdade e erradicar tanto a fome quanto a pobreza, esse cenário está atualmente potencializado, depois que a pandemia agravou essas condições. 

A retomada verde prevê ações que priorizem uma transição para a economia de baixo carbono. Esse seria um modelo econômico mais sustentável e um caminho para que o mundo saia da recessão econômica. É claro que tudo vai depender fortemente dos profissionais na linha de frente. Chegamos então às carreiras que se destacarão nesse cenário. 

Profissões em alta com a retomada verde 

Profissionais que têm qualquer ligação (indireta ou direta) com modelos de sustentabilidade estarão em um mercado muito aquecido por, pelo menos, 10 anos. Ocupações tradicionais em áreas como Engenharia, Arquitetura e Administração devem atrair os olhares dos headhunters.

No entanto, a especialização do profissional é fundamental em meio a esse movimento. Sendo assim, é hora de apostar em uma pós-graduação e começar a se preparar para dar sua contribuição nesse importante momento de transição.

A Universidade Presbiteriana Mackenzie oferece especializações em diversas áreas.

A nova onda de sustentabilidade promete geração de emprego e renda
A nova onda de sustentabilidade promete geração de emprego e renda.

Dentre as áreas que se destacarão na retomada verde estão: 

1. Engenharia 

A área de engenharia colabora em várias frentes: cidades inteligentes, gestão de resíduos sólidos (com reciclagem e o reaproveitamento desses recursos) e a energia limpa, que é a grande aposta da economia verde.

2. Arquitetura 

A arquitetura também colabora com o conceito das cidades inteligentes e com a mobilidade urbana, um dos grandes desafios no país. Além disso, essa área é responsável por criar projetos urbanísticos que causem menos impacto no ambiente, com o aproveitamento da energia solar e eólica, por exemplo.

3. Administração 

Administradores e gestores são peças fundamentais na gestão de sustentabilidade. São esses profissionais que elaboram planos de ações com os objetivos e metas a serem alcançados pela organização. 

4. Economia 

Economistas são fundamentais para analisar as conjunturas e trabalhar com a economia circular, que consiste na redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais e energia. 

5. Geografia 

O estudo do clima e de aspectos que tanto interferem como impactam no ambiente serão essenciais no novo modelo de desenvolvimento. 

6. Direito 

A atuação de cada organização e sua relação com o meio ambiente deverão estar em conformidade com a legislação brasileira. Cabe aos profissionais de Direito essa função.

Fonte: WRI Brasil.

Conheça mais sobre os cursos de pós-graduação do Mackenzie

O que achou?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0