O texto narrativo não tem como objetivo estabelecer um argumento ou convencer o leitor de algo, mas sim contar uma história por meio de uma sequência de ações. A produção pode ser baseada em ações reais ou ter saído diretamente da mente do autor.

O mais importante do texto narrativo, no entanto, são as características da narração. Hoje, não existem muitos vestibulares que cobram esse gênero textual, porém saber como escrever esse tipo de texto pode ajudá-lo a analisar narrativas e compreender melhor o seu valor.

Confira como é a estrutura da narrativa e saiba tudo o que precisa para escrever um texto narrativo.

Estrutura da narrativa

(Fonte: Giphy)

Antes de falar da estrutura da narrativa, temos que estabelecer o que será colocado nela, ou seja, os elementos principais dos textos. Em geral, esse gênero textual carrega os seguintes elementos:

Narrador

Aquele que narra a história:

  • narrador personagem — Que conta a história, mas também participa das ações. Esse tipo de texto costuma ser em 1ª pessoa;
  • narrador observador — Que conta a história e não participa das ações e normalmente tem conhecimento limitado sobre os fatos. Costuma ser escrito em 3ª pessoa;
  • narrador onisciente — Que conhece todas as histórias e tramas internas dos personagens, mesmo não participando das ações. Pode ser escrito em 1ª ou 3ª pessoas.

Personagens

São aqueles que agem dentro da narrativa, seja como elementos centrais da trama (como o protagonista e o antagonista), seja como elementos adicionais (coadjuvantes).

Enredo

É a estrutura, ou seja, como as ações se desenrolam. Um enredo pode ser linear, não linear, psicológico ou cronológico.

Tempo

Quando essa narrativa acontece? Por quanto tempo essas ações duram? Isso é o que delimita o espaço de tempo na história.

Espaço

Onde essa história se passa? Ela pode ocorrer em um ambiente físico, social ou psicológico.

Entendendo os cinco elementos básicos da narrativa, podemos começar a pensar em sua estrutura fundamental. Assim como todo tipo de texto, o narrativo deve ter começo, meio e fim.

Apresentação

A introdução de uma narrativa, onde o autor apresenta um ou mais personagens, o local e o tempo em que a história acontecerá.

Desenvolvimento

As ações dos personagens começam a acontecer. No geral, é o ponto em que pode acontecer qualquer coisa. O mais importante é que essas ações levem à próxima parte da estrutura.

Clímax

O ponto alto de uma narrativa ou o mais emocionante. Normalmente, é o momento pelo qual os personagens estão esperando.

Desfecho

A conclusão da história, onde os conflitos são resolvidos.

Os elementos básicos da narrativa, assim como sua estrutura, são os pontos mais importantes a serem analisados quando se estuda ou escreve o gênero. Mas o discurso narrativo também traz suas peculiaridades.

Existem três tipos de discurso:

  1. Direto — Quando o personagem fala;
  2. Indireto — Quando o narrador interfere na fala do personagem, reportando o que ele diz;
  3. Indireto livre — É uma mistura dos dois outros, com falas do personagem e do narrador.

Agora que você já conhece todos os elementos do texto narrativo, é hora de descobrir como começar a escrever o seu.

4 dicas para escrever um texto narrativo

(Fonte: Giphy)

Comece estabelecendo os elementos básicos: o que aconteceu? Com quem? Quando e onde? Como?

  1. Se estiver escrevendo em uma prova, como no vestibular, preste atenção primeiro à proposta do tema. Analise os textos de apoio e descubra se existem elementos obrigatórios; assim, você pode pensar em elementos básicos a partir disso.
  2. Experimente os tipos de narrador; nem sempre existe um modo mais fácil de escrever, tudo depende da sua história.
  3. Busque inspiração no dia a dia, lendo livros, assistindo a filmes e observado as pessoas ao seu redor.

O texto narrativo exige uma dose de criatividade, mas também é preciso analisar e entender sua estrutura. Preste atenção nesses detalhes para escrever um bom texto.