Quer potencializar sua carreira? Comece uma pós-graduação no Mackenzie

Os impactos da quarentena na economia obrigaram todo mundo a se adaptar. Muitas pessoas estão trabalhando em home office e, infelizmente, algumas empresas precisaram demitir pessoas ou reduzir salários.

Confira mais dicas sobre mercado e carreira

Para continuar pagando as contas nesse cenário, é preciso recorrer a soluções criativas, e começar uma carreira como freelancer pode ser uma ótima opção. Atualmente, é possível ser "freela" nas mais variadas profissões — do marketing à programação.

Quais são as vantagens de atuar como freelancer?

O principal ponto positivo dessa opção é poder ganhar seu sustento sem precisar que uma empresa contrate você para alguma vaga específica — já que as vagas estão bem escassas neste período.

Tendo uma boa clientela, é difícil que todos cancelem de uma vez e você fique completamente sem sustento. Poder trabalhar nos horários que preferir também é um uma boa vantagem.

Em contrapartida, você tem muito mais responsabilidade e precisa se organizar para dar conta de tudo. Além disso, sua renda pode variar bastante, entre meses mais parados e aqueles mais movimentados. Portanto, é essencial se planejar financeiramente.

(Fonte: Tenor)

Como começar a ser freela?

Você precisa de um computador com internet. Há várias plataformas que unem clientes que precisam de serviços e profissionais que querem prestá-los.

Com a adesão cada vez maior ao home office, você pode, inclusive, trabalhar de casa, na maioria dos casos. Por isso, você precisa de um local confortável para se dedicar ao trabalho, além de organizar seu tempo para cumprir todos os prazos combinados.

Organizar um bom currículo ou portfólio também é importante para mostrar a seus possíveis clientes que você tem experiência na área.

Tenha paciência para procurar projetos e entender que nem todas as suas prospecções trarão resultados. Porém, com tempo e dedicação, você vai construir sua clientela, e sua carreira como freela vai deslanchar.

Tão comprometido(a)... Eu gosto da sua dedicação... (Fonte: Tenor)
(Fonte: Tenor)

Onde obter trabalhos como freela?

Existem várias plataformas onde você pode encontrar projetos e clientes, sem sair de casa. Conheça algumas delas.

  • Workana: esse portal tem possibilidades de trabalho para profissionais de Marketing, Administração, Direito, Design, Programação e muitas outras. Segundo a plataforma, são publicados 30 mil projetos por mês.
  • 99Freelas: outra plataforma com milhares de oportunidades para diversas áreas. Os projetos são divididos por categoria e subcategoria, além de outros filtros, para que você encontre o trabalho ideal.
  • Freelancer.com.br: assim como nas outras duas, você faz um cadastro e pode encontrar projetos na sua área, com muitas possibilidades.
  • GetNinjas: nessa plataforma você apenas publica o seu perfil com informações, de modo que as pessoas entrem em contato direto com você. Ela é ainda mais abrangente que as anteriores, incluindo serviços de manutenção, assistências técnicas, professores e muitas outras áreas.
  • Grupos do Facebook: existem muitos grupos na rede social focados em oferecer freelas, especializados por áreas. Faça uma pesquisa para encontrar algum grupo dedicado às vagas no seu ramo e aumentar sua rede de contatos.
  • Plataformas especializadas: também existem sites direcionados a profissionais de algumas áreas, como o "Meu Redator", para quem escreve, ou o "Freelance Web Designer", para designers. Vale a pena fazer uma pesquisa mais detalhada e descobrir se há alguma na sua área. Na internet, existe de tudo!
Bora se cadastrar em todas as plataformas? (Fonte: Tenor)
(Fonte: Tenor)

Algumas das plataformas acima — como Workana e 99Freelas — cobram uma taxa sobre o valor dos projetos. Em contrapartida, você tem a quem recorrer caso haja algum problema com o cliente, como demora no pagamento.

Por fim, é interessante observar que uma das melhores formas de conseguir freelas é acionando sua rede de contatos. Conte para seus colegas, amigos e familiares que você está disponível para trabalhos; conforme a notícia for se espalhando, você pode negociar muitos freelas por indicação.

Fonte: Folha Dirigida, Canal Tech e Pequenas Empresas, Grandes Negócios.

Conheça mais sobre os cursos de pós-graduação do Mackenzie