Quando se pensa em arquitetura, muitas pessoas imaginam grandes palácios europeus ou a muralha da China como referência. Mas não é preciso ir tão longe: o Brasil é cheio de conjuntos arquitetônicos incríveis que encantam qualquer um.

Ainda mais os alunos de Arquitetura, que devem sempre buscar ideias e inspirações. Confira abaixo algumas das principais capitais brasileiras que todos os futuros arquitetos precisam conhecer!

Brasília (DF)

(Reprodução: Brasília)

A capital brasileira já deve estar nos planos de todos os estudantes de Arquitetura do país, visto que é uma cidade completamente planejada por arquitetos – mais especificamente, por Lúcio Costa e Oscar Niemeyer. A cidade é uma referência internacional para a arquitetura moderna.

Quando estiver em Brasília, não deixe de visitar os palácios do Planalto e da Alvorada, a catedral metropolitana e o Congresso Nacional.

Recife (PE)

(Reprodução: Recife)

A capital de Pernambuco é cheia de lindos conjuntos arquitetônicos que inspiram estudantes e encantam todos os visitantes da cidade. O Centro Histórico é tomado por casarões no estilo holandês e por armazéns revitalizados. Não deixe de conhecer o Palácio do Campo das Princesas, o Teatro Santa Isabel e a Rua da Aurora, às margens do rio, cheia de sobrados coloridos.

Ouro Preto (MG)

(Reprodução: Ouro Preto)

Ouro Preto é a queridinha dos estudantes de Arte, História e Arquitetura. Não é para menos: a arquitetura barroca em seus prédios, monumentos, igrejas e casas preserva uma época sobre a qual sempre lemos nos livros de História e guarda obras de arte importantes para o nosso país. Não é à toa que a cidade, berço de artistas como Aleijadinho e Manuel da Costa Ataíde, é um Patrimônio Cultural da Humanidade.

Belo Horizonte (MG)

(Reprodução: Belo Horizonte)

Que tal aproveitar a visita a Ouro Preto e estender uma estadia na capital mineira? Lá é possível ver todo o entorno da Lagoa da Pampulha, um conjunto arquitetônico inspirador formado por três obras de Oscar Niemeyer: o Museu de Arte da Pampulha, a Casa de Baile e a Igreja de São Francisco de Assis, onde também estão os 14 painéis de azulejo pintados por Cândido Portinari que representam a Via Sacra.

Salvador (BA)

(Reprodução: Salvador)

Salvador é uma capital cheia de monumentos arquitetônicos que já fazem parte do imaginário brasileiro. Começando pelo Pelourinho, um bairro que é Patrimônio da Humanidade, onde se encontram mais de 800 casarões coloridos que datam dos séculos 17 e 18. Além disso, nas muitas vielas e ladeiras da cidade, você encontra restaurantes, lojas, igrejas e museus de arquitetura incomparável.

Petrópolis (RJ)

(Reprodução: Petrópolis)

A cidade imperial ainda mantém muito de sua estrutura original. O palácio de Cristal, por exemplo, é todo transparente com armações de ferro, metal e arame, chamando a atenção no Centro Histórico da cidade. Já o Quintandinha, que era um cassino-hotel no passado, ainda mantém seus salões abertos para visitação. Vale a pena conhecer!

São Luís (MA)

(Reprodução: São Luís)

Com forte influência de portugueses, franceses, espanhóis e holandeses, o Centro Histórico da capital do Maranhão virou um Patrimônio da Humanidade. São mais de 3 mil prédios que datam do Brasil Colônia, com fachadas repletas de azulejos e sobrados que se espalham em ruas de pedra e ladeiras pela cidade.

Essas são algumas das cidades brasileiras mais interessantes para os futuros arquitetos, mas é possível encontrar beleza e inspiração em todos os lugares. Basta manter um espírito observador e criativo!